ConheçaJoão Doria

João Agripino Doria Júnior nasceu em São Paulo no ano de 1957, filho de João e Maria.

No ano de 1964, sua família foi obrigada a se exilar na França após a instauração da ditadura militar no Brasil. Seu pai, que teve o mandato de Deputado Federal cassado, sentiu na pele a perseguição e os horrores de um governo opressor.

Após esses anos longe do Brasil, João, o irmão Raul e sua mãe retornaram ao país, sem amigos e sem dinheiro. Sua mãe, Maria Sylvia Vieira de Moraes Dias, abriu uma pequena fábrica de fraldas de pano para sustentar os dois filhos.

João sentiu a necessidade de ajudar com os custos de casa. Aos 13 anos, conseguiu seu primeiro estágio, aos 21, já se tornava professor e em pouco tempo virou empresário e apresentador de TV.

Mas nada disso bastava, seu propósito era inspirador: ele queria transformar a realidade brasileira.

João ganhou a prefeitura de São Paulo em 2016, em um primeiro turno histórico, derrotando o PT e liderando a Onda Azul, um movimento que fortaleceu o PSDB em vários municípios.

Depois disso, ele atendeu o chamado da militância e foi disputar o governo de SP, liderando a campanha praticamente de ponta a ponta e vencendo as eleições.

João tem uma história de força, superação e dedicação. Tem uma história de vitórias, e já mostrou o quanto se dispõe a fazer pela população mais necessitada. João é a via que o Brasil precisa, é o melhor caminho para o desenvolvimento social e econômico. João Doria, o futuro te espera, o PSDB está com você pelo Brasil.

Clique e confira a caminhada de Doria nas prévias

Escolha o estado e confira a caminhada de Doria nas prévias do PSDB

Amazonas

Brasilcom Doria

Clique aqui e
Entre no grupo PSDB Amazonas
com Doria

Escolha uma área e veja o que Doria já fez por São Paulo e vai fazer pelo Brasil

Saúde

    Doria
    fez em SP
    vai fazer pelo brasil

    Doria Fez pela saúde

    • 5 novos hospitais entregues: Hospital de Serrana, AME Campinas, Hospital Regional de Caraguatatuba, Hospital Estadual de Bebedouro e HC de Bauru;
    • 2 novos hospitais em obras: Hospital Pérola Byington, Hospital Regional de Barueri;
    • Programa “Melhor pra sua Saúde”: 6 obras de reforma e ampliação de hospitais entregues, 13 em andamento;
    • Programa “Saúde em Ação”: 74 novas Unidades Básicas de Saúde (UBS) e Clínicas de Atendimento Psicossocial (Caps) entregues, e 30 reformas de equipamentos de saúde concluídas, investimento de R$ 560 milhões;
    • R$ 3,7 bilhões de ajuda financeira repassados para mais de 200 Santas Casas e Hospitais Filantrópicos;
    • 143 mil exames realizados pelo Corujão da Saúde em hospitais estaduais e privados;
    • 6.370 cirurgias feitas pelo Corujão da Catarata;
    • Número de carretas do Programa Mulheres de Peito (mamografias) dobra de 4 para 8 unidades;
    • Criado o “Programa Multissaúde” de telemedicina, com 14 especialidades em pronto-socorro e enfermarias em 14 hospitais estaduais, somando mais de 135 mil atendimentos realizados;
    • Aplicativo “Hora Marcada” foi utilizado para marcar 54 mil consultas no SUS de SP;
    • Aplicativo “Remédio Agora” realizou 720 mil agendamentos para entregar medicamentos na casa dos pacientes;
    • 1,2 bilhão de medicamentos distribuídos gratuitamente nas farmácias do governo com investimento de R$ 5 bilhões;
    • Programa Meu Pet: construção de 10 clínicas veterinárias no litoral e interior.

    Combate á Covid-19

    • São Paulo foi o primeiro estado do país a criar um Centro de Contingência contra o coronavírus em fevereiro de 2020;
    • São Paulo trouxe a vacina do Butantan para o Brasil e foi o primeiro estado do país a iniciar a vacinação em janeiro de 2021;
    • 12 antecipações do calendário de vacinação, adiantando em 2 meses a imunização de todos os adultos em SP;
    • O Instituto Butantan já forneceu 75 milhões de doses de vacina para o Brasil e vai chegar a 100 milhões em agosto de 2021;
    • Construção da nova Fábrica de Vacinas do Butantan com R$ 170 milhões da iniciativa privada;
    • Produção da ButanVac pelo Instituto Butantan - primeira vacina com produção totalmente nacional sem necessidade de importação de matéria-prima;
    • SP foi o primeiro estado do Brasil a lançar o “Vacinômetro” - ferramenta digital para acompanhar em tempo real o número de vacinados;
    • 16 hospitais de campanha abertos desde o início da pandemia em SP, sendo que 8 continuam em funcionamento;
    • Com mais de 19,5 milhões de testes realizados, SP foi o estado que mais testou na América Latina;
    • Foram criados 8.628 leitos de UTI durante a pandemia um aumento de 150%: haviam 5,7 mil antes da pandemia e 14,4 mil durante a pandemia;
    • Aquisição de 4.013 novos respiradores, 2 mil cilindros e 1 mil concentradores de oxigênio;
    • Contratados 6,5 mil novos profissionais de saúde, dentre enfermeiros, médicos e fisioterapeutas.

    Educação

    • Ensino em tempo integral: aumento de 625% no total de alunos matriculados (de 115 mil em 2018 para 834 mil em 2021) e de 410% no número de escolas em tempo integral (de 364 em 2018 para 1.855 em 2021);
    • 114 mil alunos matriculados no “Novotec Integrado”, onde o estudante sai com dois diplomas: ensino médio e curso técnico;
    • IDEB: SP lidera nos anos finais do ensino fundamental;
    • 151 novas creches abertas com 20 mil novas vagas criadas;
    • Obras em 4.900 escolas com R$ 1,5 bilhão de investimento;
    • 850 ônibus escolares distribuídos em 457 municípios;
    • Merenda em Casa para 920 mil alunos durante a Pandemia;
    • SP foi o primeiro estado a vacinar os profissionais da educação. Na volta às aulas em agosto, 96% dos profissionais da rede estadual já estavam vacinados e houve 60% de adesão dos alunos;
    • R$ 787 milhões de bônus pagos para os professores;
    • Mais de 50 mil novos professores contratados;
    • Governo financia 161 mil computadores para os professores;
    • Criado o Centro de Mídia - acesso virtual gratuito para 3,8 milhões de alunos;
    • 750 mil chips de internet distribuídos gratuitamente para alunos e professores;
    • "Dignidade Íntima" vai distribuir gratuitamente absorventes para até 1,3 milhão de alunas da Rede estadual de Ensino em situação de vulnerabilidade econômica e social;
    • SP amplia número de aulas do Ensino Médio e contratará 10 mil professores;
    • Aulas de inglês para alunos do ensino fundamental 1 (1ª a 5ª série) na Rede Estadual de Ensino. Antes a disciplina só começava a partir da 6ª série do fundamental 2.

    Emprego

    • Falta TEXTO

    Segurança

    • A menor taxa de homicídios do Brasil e da história de SP: 6,36 casos/100 mil hab (em 2018, a taxa era de 6,7 casos/100 mil hab);
    • 9 Novos Baeps - Batalhões Especiais de Polícia padrão Rota;
    • 12 Novos Departamentos de Investigação Criminal - Deics Regionais;
    • 10.500 novos policiais contratados, 4.300 em formação e 3 mil vagas em concursos em andamento;
    • 95 mil novas armas e coletes para as polícias;
    • Criada a Dronepol - Departamento de policiamento com drones, com 142 equipamentos;
    • 3 mil Bodycams para a PM;
    • 6.400 novas viaturas para as polícias, investimento de R$ 460 mil;
    • Viaturas blindadas pela primeira vez na história da polícia de SP, com 175 veículos entregues;
    • Ampliação de 1 para 10 Delegacias da Mulher 24 horas;
    • 114 Delegacias reformadas e modernizadas;
    • 5 novas Delegacias da Mulher inauguradas;
    • 7 novas penitenciárias – 5.800 novas vagas abertas no sistema prisional;
    • 6 novas penitenciárias em construção gerando mais 4.900 vagas no sistema prisional;
    • Teleaudiências criminais implantadas em 100% dos presídios de SP;
    • Comitê de Blitze: 158 mil fiscalizações realizadas, com flagrante de 46 mil aglomerações, aplicação de 5,6 mil multas e mais de 19 mil prisões.

    Meio ambiente

    • “Novo Rio Pinheiros” é o maior programa socioambiental da América Latina, que já conectou 320 mil imóveis à rede de esgoto e retirou mais de 38 mil toneladas de lixo e 315 mil m3 de sedimentos (equivalente a 17 caminhões basculantes). Mais de 51% das ações de coleta e tratamento de esgoto já foram concluídas. Investimento chega a R$ 3,5 bilhões com entrega do rio limpo e despoluído até o final de 2022;
    • Mancha de poluição do rio Tietê foi reduzida em 8%, de 163 km em 2019 para 150 km em 2020. A mancha chegou a ter 530 km de extensão nos anos 90 e hoje está em 150 km, uma redução de 70% do trecho sem vida;
    • Aumentou em 5% a cobertura de áreas de vegetação nativa no estado (de 18% em 2010 para 23% em 2020);
    • Entre 2019 e 2020, a Sabesp realizou 425 mil novas ligações de água e 496 mil novas ligações de esgoto;
    • Investidos R$ 2 bilhões no Programa de Redução de perdas de água pela Sabesp desde 2019. A economia de água gerada é suficiente para abastecer, durante um ano, uma população de cerca de 640 mil de habitantes, equivalente à São José dos Campos;
    • Iniciadas as obras da Barragem de Pedreira, que garantirá segurança hídrica para mais de 5 milhões de pessoas em 23 municípios do estado de SP. Investimento de R$ 527 milhões;
    • Iniciada a segunda etapa do programa “Onda Limpa” com investimentos de R$ 673 milhões em obras de saneamento no litoral de São Paulo;
    • Programa “Água Legal” faz 185 mil ligações gratuitas na rede de água para pessoas em situação de pobreza desde 2019;
    • CETESB tem gestão mais eficiente de sua história com 113 mil análises de pedidos de licença, sendo 60 mil em 2019 e 53 mil em 2020;
    • Acordo Ambiental SP para redução de emissões de gases de efeito estufa no setor privado. Teve início em novembro de 2019 com 55 aderentes e hoje já conta com 500 empresas;
    • SP adere às campanhas da ONU para zerar emissão de poluentes até 2050. Primeiro estado do país a publicar decreto ambiental se comprometendo com campanhas “Race to Zero” e “Race to Resilience”;
    • Criação do Procon-SP Ambiental e força-tarefa contra venda ilegal de madeira nativa.

    Ciência

    • Falta TEXTO

    Habitação

    • 44 mil imóveis regularizados com título de propriedade;
    • 57 mil casas populares entregues ou em obras;
    • 33 mil casas populares entregues;
    • 24 mil casas populares em obras;
    • Programa Vida Digna: construção de 2.770 moradias para famílias que vivem em palafitas na Baixada Santista.

    Economia

    • SP tem 25 mil obras em andamentos com geração de 190 mil empregos diretos e indiretos;
    • Estado de SP criou 29% dos novos empregos gerados no Brasil desde 2019 (Caged);
    • Criadas 225.355 vagas de cursos profissionalizantes, desde 2019, através dos programas Via Rápida, SP Tech e São Paulo Criativo, em parceria com Centro Paula Souza, Senac e Univesp;
    • Há dois anos consecutivos, SP cresce mais do que o Brasil. São Paulo teve crescimento de 0,4%, enquanto o PIB nacional recuou 4,1% em 2020. Já em 2019, SP cresceu 2,2% enquanto o PIB brasileiro registrou um aumento de 1,4%;
    • São Paulo tem projeção de crescimento econômico de 7,8% em 2021, o maior da série histórica (Seade). Crescimento nacional deve ficar em 5% (BC);
    • Aprovada Reforma Fiscal e Administrativa em plena pandemia para manter o superávit do estado e garantir investimentos, pagamento de salários e serviços essenciais;
    • SP aprovou a extinção de 10 empresas estatais gerando uma economia aos cofres públicos de R$ 6 bilhões;
    • Reduzido de 25 para 22 o número de Secretarias Estaduais;
    • Cortados mais de 500 cargos comissionados na administração pública;
    • Tempo para abertura de empresas foi reduzido para somente um dia no estado de SP;
    • Foram realizadas dez concessões e Parcerias Público Privadas que garantiram mais de R$ 30 bilhões em investimentos;
    • Lançado o Plano “Retomada 21/22” com 19 projetos de Concessões e PPPs com previsão de R$ 386 bilhões em investimento e criação de até 2 milhões de empregos;
    • Criação de 14 Polos de Desenvolvimento Econômico Regional;
    • Oferta de R$ 2,3 bilhões em crédito a juros baixos e condições facilitadas para os empreendedores de SP - R$ 1,6 bilhão pelo Banco Desenvolve SP e R$ 464,2 milhões pelo Banco do Povo;
    • A Agência Paulista de Investimento - Invest SP - atraiu 62 empresas para o estado de SP desde 2019. Um investimento de R$ 37,3 bilhões e geração de mais de 115 mil empregos;
    • Realizadas nove missões comerciais internacionais desde 2019;
    • Abertura de três escritórios internacionais do Governo de SP em Dubai, Xangai e Munique;
    • “Vale do Futuro”: projeto de desenvolvimento econômico e social no Vale do Ribeira, que prevê R$ 1 bilhão em investimentos e geração de 30 mil empregos;
    • "Viva o Vale": programa de desenvolvimento que prevê o investimento de R$ 120 milhões em saúde, infraestrutura e segurança nos 17 municípios do Vale Histórico
    • “Sudoeste +10”: programa de desenvolvimento regional que abrange 16 municípios da região de Itapeva, com investimentos de infraestrutura que chegam a R$ 300 milhões;
    • “Pontal 2030”: programa de desenvolvimento regional que abrange 32 municípios da região do Pontal do Paranapanema, com investimentos de R$ 300 milhões em saúde, segurança, meio ambiente e turismo;
    • Incentivo aos produtores rurais: liberação de R$ 215 milhões para linhas de crédito e seguro rural;
    • Investimento recorde em pesquisa agropecuária: R$ 52 milhões para modernização de laboratórios de institutos de pesquisa na capital e interior em 2021;
    • “AgroSP+Seguro”: Governo de SP vai entregar 250 viaturas específicas para o trabalho de ronda na zona rural;
    • “Município AgroSP”: programa que concederá certificados para fomentar a implantação de políticas públicas voltadas ao setor do agronegócio em esfera municipal. Neste primeiro ciclo, 508 dos 645 municípios paulistas estão aptos a participar;
    • PGE vem ganhando, junto ao STF, decisões fundamentais ao combate à pandemia no estado, como a determinação de garantia de remessa de vacinas pelo Ministério da Saúde, o bloqueio de requisição federal de seringas e o custeio de leitos de UTI Covid pela União;
    • Programa “Débito Parcelado”: iniciativa da PGE vai dar desconto nas dívidas de ICMS e IPVA para até 1 milhão e 600 mil contribuintes no estado de São Paulo, com impacto previsto de R$ 4,5 bilhões.

    Cultura

    • Novo Museu da Língua Portuguesa. Investimento de R$ 85 milhões na recuperação do incêndio (recursos públicos e privados);
    • Reforma do Museu do Ipiranga com investimento de R$ 187 milhões captados da iniciativa privada. Reinauguração prevista para setembro de 2022, no Bicentenário da Independência do Brasil;
    • Exposição “MIS Experience” de Leonardo da Vinci levou mais de 500 mil pessoas ao Museu da Imagem e do Som;
    • Inaugurada a primeira Fábrica de Cultura 4.0 com 300 cursos para até 6 mil jovens em São Bernardo do Campo;
    • Investimento recorde de R$ 677 milhões em programas incentivo à cultura (Proac) e linhas de crédito para o setor cultural (Proav);
    • Lançado o programa de incentivo turístico “São Paulo para Todos”. Redução do ICMS sobre o combustível de aviação, de 25% para 12%, refletiu na abertura de 700 novos voos para SP;
    • Governo de SP bateu recorde de repasses para obras em cidades turísticas do estado em 2020 (Dadetur). O valor total repassado para 180 municípios chegou a R$ 223,3 milhões, o maior dos últimos seis anos;
    • Entregues 55 quadras de futebol society, 45 areninhas esportivas (futebol society e basquete) e 44 pistas de skate. Investimentos superiores a R$ 100 milhões;
    • Prevista a instalação de 120 academias e mais 100 pistas de skate em 2021. Investimento de R$ 36 milhões;
    • GP São Paulo de Fórmula 1 será realizado entre os dias 5 e 7 de novembro com prova extra e ocupação de 100% das arquibancadas. Impacto econômico estimado é de R$ 670 milhões, com geração de 8 mil empregos.

    Infra-estrutura

    • Concluídas 337 obras em 4.428 km de rodovias, com investimento de R$ 4 bilhões;
    • 151 obras em 1.675 km de rodovias em andamento, R$ 2,3 bilhões em investimento e geração de 18 mil empregos;
    • SP investe R$ 4 bilhões para melhorias de mais de 5 mil km de 430 rodovias pelo “Estrada Asfaltada” e “Novas Estradas Vicinais”;
    • 6 novas estações entregues e Metrô ultrapassa 100 km de extensão;
    • 6 Linhas, 35 estações e 40 km de extensão de obras no Metrô e na CPTM;
    • Retomadas as obras de 5 linhas do Metrô e da CPTM que estavam paralisadas;
    • Ampliação de 8 km VLT da baixada santista em obras;
    • Concessão das linhas 8 e 9 da CPTM garante investimento de R$ 3,2 bilhões;
    • 14 novos trens com ar-condicionado entregues;
    • 116 novos ônibus entregues para linhas intermunicipais da EMTU no ABC;
    • Leilão dos 22 aeroportos estaduais garantiu R$ 447 milhões em investimentos diretos;
    • Concessão do sistema de balsas prevê investimento de R$ 240 milhões em 8 travessias, além de uma economia de R$ 76 milhões por ano ao estado;
    • Trem Intercidades: ligará a capital à Campinas. Edital previsto para dezembro com leilão em abril de 2022.

    Assistência social

    • “Bolsa do Povo”: maior programa social da história de SP atende 575 mil beneficiados diretamente e tem alcance de mais de 4,3 milhões de pessoas dentro dos núcleos familiares;
    • “Vale Gás”: auxílio de R$ 300 para compra de botijões de gás, beneficiando 2 milhões de pessoas em todo o estado;
    • “SP Acolhe”: auxílio de R$ 1.800 para 15 mil famílias que perderam parentes por Covid-19;
    • “Bolsa do Povo Educação”: contratação de 20 mil pais e responsáveis para atuarem nas escolas estaduais prestando apoio geral, com benefício mensal de R$ 500 por seis meses;
    • “Bolsa do Povo Educação para Estudante”: auxílio de R$ 1 mil para 300 mil alunos da rede estadual beneficiando 1,5 milhão de pessoas do núcleo familiar dos estudantes;
    • “Bolsa Trabalho”: contratação de 30 mil desempregados para atuarem em órgãos públicos durante cinco meses, com o salário de R$ 535, impactando ao todo 120 mil pessoas do núcleo familiar;
    • Programa “Alimento Solidário” já distribuiu mais de 4,3 milhões de cestas básicas durante a Pandemia - o maior programa de distribuição de alimentos do Brasil;
    • Programa “Vacina contra a Fome” arrecadou mais de 23 milhões de toneladas de alimentos, incentivando a doação de alimentos na vacinação;
    • Comitê Solidário: arrecadação de R$ 1,9 bilhão de doações junto à iniciativa privada durante a pandemia;
    • “Inverno Solidário”: conjunto de ações para pessoas em situação de rua com a doação de 83 mil cobertores, roupas, distribuição de sopas e criação de 2 mil vagas de acolhimento temporário em 134 municípios;
    • Bom Prato passa a servir jantar e aumenta em 60% oferta de refeições durante a pandemia;
    • Bom Prato passa a ser gratuito para moradores de rua pela primeira vez na história, beneficiando 50 mil pessoas;
    • 3 novos restaurantes Bom Prato foram abertos, chegando a 59 unidades em funcionamento no estado;
    • A Sabesp suspendeu o corte por falta de pagamento e isentou da cobrança mais de 2,5 milhões de pessoas de baixa renda;
    • A Sabesp também distribuiu 6,8 mil caixas d’água gratuitamente em comunidades carentes;
    • 42 novos centros para idosos entregues. São 37 Centros de Convivência e 5 Centros Dia do Idoso inaugurados;
    • 3 Praças da Cidadania inauguradas: Paraisópolis (capital), Santo André e Guarulhos. 6 convênios firmados para implantação de praças em Carapicuíba, Cubatão, Itapevi, Itaquaquecetuba, Osasco e Santos. O programa leva atividades de cultura, lazer e qualificação profissional para áreas vulneráveis;
    • 113 mil itens de ajuda humanitária distribuídos pela Defesa Civil Estadual, somando R$ 2,4 milhões investidos;
    • Convênios da Defesa Civil: 111 termos firmados com repasse de R$ 50 milhões para obras de prevenção e recuperação nos municípios paulistas;
    • Monitoramento de áreas de risco: mais de 23 mil mensagens de alerta de situação de risco enviadas para 2,5 milhões de pessoas cadastradas, além da realização de oficinas de capacitação para 11 mil agentes municipais.

    Cadastre-se no zap PSDB com doria